DESENHAR LETRAS

Outubro 10, 2010

Todos vocês já desenharam letras. Uns de uma maneira outros de outra. Mas é importante que nunca te esqueças que desenhar letras obedece a algumas regras:

- As letras devem ter todas a mesma altura;

- A parte «cheia» da letra é sempre igual (tem a mesma espessura);

- Há letras com forma rectangular, circular e irregular;

- O espaço entre as letras deve ser sempre igual;

A letras desenhadas podem ser :  altas, estreitas, largas, baixas, espessas, finas, decoradas, pintadas, coloridas… depende da tua imaginação e criatividade.

Na internet existem muitos sítios onde podes observar muitas letras diferentes. Deixo-te aqui alguns exemplos:

Letras 1 Letras 2 Letras 3 Letras 4 Letras 5


A LETRA

Setembro 29, 2010

As primeiras formas de escrita surgiram há aproximadamente 3000 anos. Era uma linguagem escrita baseada em pictogramas (desenhos). Pouco depois, surgiu uma escrita baseada em ideogramas, símbolos que representavam ideias abstractas. A nossa escrita tem como base um alfabeto fonético e a cada LETRA corresponde um som.

O desenho de letras pode ser feito com grande liberdade de expressão, sem no entanto deixar de ter em conta cinco aspectos:

  • A facilidade e rapidez da leitura;
  • A sua proporção;
  • A sua forma estética;
  • A sua cor;
  • A adaptação ao fim a que se destina;

Para desenhar letras, pode-se recorrer à utilização de uma quadrícula (com papel quadriculado) ou linhas de construção. A quadrícula e as linhas de construção servem para marcar a altura, o meio e a largura das letras.

Este texto foi adaptado daqui

Para ficares a saber mais ainda, podes consultar esta ficha

Para aprenderes a  DESENHAR LETRAS clica aqui , recolhe e imprime esta ficha formativa.

Observa agora como estes desenhos foram feitos.


A LINHA

Setembro 22, 2010

“A linha é um ponto dando um passeio” Klee

A LINHA pode ser definida como um ponto em movimento. Assim, uma linha é constituída por um conjunto de pontos. O comprimento é a única medida que uma linha pode ter e a sua representação no espaço é infinita.

A linha evidencia formas e tem uma função técnica e expressiva na representação e na comunicação visual. É um elemento gráfico do desenho muito importante, pois com ela podemos definir formas e mostrar a nossa imaginação e criatividade.

Exemplos como alguns artistas utilizaram a linha de forma criativa

Podes ficar a saber mais sobre a linha clicando aqui, aqui ou aqui.


O PONTO

Setembro 21, 2010

O PONTO é a unidade mais simples e expressão mínima da comunicação visual. Não tem geometricamente uma dimensão, área ou superfície. É simplesmente invisível. como se trata do elemento visual mais simples, torna-se necessário graficamente torná-lo visível. Acontece por exemplo quando a ponta do lápis contacta com o papel.

Os pontos podem ser:

Muitos artistas na criação das suas obras utilizam as potencialidades plásticas do ponto ( forma, dimensão e cor). Ficam aqui alguns exemplos.

Podes saber mais sobre o ponto se clicares aqui, ou aqui, ou aqui.

Texto adaptado daqui.


Riscadores: LÁPIS DE GRAFITE

Setembro 21, 2010

o LÁPIS DE GRAFITE é o mais utilizado de todos os instrumentos de desenho. Estes lápis são constituídos por uma mina feita de uma mistura de grafite, argila e outros aglomerados, protegida por um revestimento em madeira. A mina , conforme tenha mais ou menos argila, é mais «dura» ou mais «macia». O lápis nº1 (mina B) é um lápis indicado para desenho à mão livre, por se tratar de um lápis com minas muito macias. Já o lápis nº3 (mina H) ,pela «dureza» da sua mina, é um lápis indicado para traçados rigorosos, como por exemplo o desenho geométrico. O lápis nº2 (mina HB) é um lápis com uma mina de dureza média.

Se clicares aqui tens acesso a uma ficha formativa que te dá mais informação não só sobre os lápis, mas também sobre a borracha e o papel que vais usar em EVT.

Podes ainda saber mais sobre este assunto se clicares aqui, aqui, ou aqui.


Que MATERIAL vais precisar para EVT?

Setembro 16, 2010

Para realizares as tarefas e trabalhos que te vão ser pedidos pelos professores de EVT vais precisar de ter sempre na aula algum material fundamental para poderes trabalhar. Tenho a certeza que os teus professores já te informaram e explicaram que materiais são esses e qual a sua utilidade. Podes conferir aqui o  material que precisas para EVT.


Como vai ser a tua avaliação em EVT?

Setembro 16, 2010

Como já te deves ter apercebido a disciplina de EVT tem características muito diferentes de algumas outras disciplinas. Na avaliação de EVT são bastante valorizadas as competências no domínio das aptidões (o saber fazer) e no domínio das atitudes (o saber estar). São valorizados os processos de aprendizagem numa avaliação contínua (aula a aula), formativa e global. Para que melhor possas perceber a forma como és avaliado na disciplina de EVT, podes consultar os os critérios de avaliação clicando aqui.


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.